A Igreja e o individualismo


“Não abandonemos a tradição de nos reunirmos como Igreja, segundo o procedimento de alguns, mas, pelo contrário, motivemo-nos uns aos outros, tanto mais quanto vedes que o Dia está se aproximando” Hb.10:25 (Bíblia King James)
Se há alguma coisa que anda na contramão do cristianismo, nos dias de hoje, é o espírito individualista. Podemos observar isso no dia a dia; hoje, os supermercados tem sessões que oferecem porções individuas de vários produtos; diante das redes sociais as pessoas estão paradoxalmente sozinhas; nos grandes centros, até moradias tem sido pensadas para uma pessoa apenas. Expressões como “Cada um tem a sua verdade ou Eu faço meu culto e minhas orações”, também refletem esse teor individualista de nosso tempo.
Reportando-nos ao texto citado de Hebreus: “A expressão grega traduzida por ‘abandonemos’ transmite o sentido original de ‘deserção’. Deus planejou a Igreja para que os cristãos pudessem ser companheiros de caminhada, exortando e sendo exortados pelo Espírito e uns aos outros, em amor fraternal. Por isso não é concebível a teoria do culto exclusivo e distante da comunhão dos irmãos”. (Comentário da Bíblia King James).
O individualismo é mais uma armadilha que tem sufocado a vida de muitas pessoas, pois essa sensação de liberdade do tipo eu faço do meu corpo o que quiser, essa é a minha verdade, ninguém tem nada a ver com minha vida, vou me dar esse presente  etc, não é verdadeira, porque há um sistema com várias faces que manipula as pessoas e as faz dependentes não de pessoas, mas de coisas.
Por isso, a Igreja de Cristo aparece como alternativa extraordinária a esse perigoso e infeliz caminho do individualismo. “Então, avante! Cheios de fé, confiantes de que estamos apresentáveis para ele, vamos nos agarrar às promessas que nos fazem prosseguir. Ele sempre mantém sua palavra. Sejamos criativos no amor, no encorajamento e na ajuda. Não evite as reuniões de culto, como alguns fazem, desprezando os irmãos, ainda mais agora, que o grande dia se aproxima” Hb.10:22-25 (Bíblia A mensagem).


Rev. Joel

Nenhum comentário:

Postar um comentário