Uma Boa Palavra



 “Não saia da sua boca nenhuma palavra torpe (suja, contaminadora), e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e assim transmita graça aos que ouvem”. Efésios 4:29
Uma boa palavra pode produzir bons resultados na vida de alguém.  O sábio rei Salomão já dizia que o poder da morte e da vida está na boca de quem fala.  Quem faz mau uso das palavras pode destruir uma vida. O texto que mencionamos acima nos orienta para falar apenas palavras que edifiquem, conforme a necessidade de quem ouve, e não para satisfazer o ego de quem fala.
Sendo assim creio ser muito importante alimentarmos a vida dos nossos semelhantes com boas palavras, pois construiremos melhor os nossos relacionamentos. Para isso precisamos de sabedoria paciência e determinação. Somos melhores quando temos domínio da nossa fala.
Quando alguém diz que vai fazer uma critica construtiva, e diz que é para o bem; a pessoa que vai receber a critica já se prepara para a “bordoada” que está para vir. Bastam estas duas palavras- “critica construtiva” para que o semblante caia, o olhar baixe e a pessoa se abale.
Se o foco e a intenção fossem de fato positivos, a pessoa não faria uma critica.  Ela se calaria ou daria uma ideia, diria algo cujo foco fosse o acerto, e não o erro; algo que colocasse o ouvinte para cima, e não para baixo. Palavras que pudessem ser colocadas em termos de sugestão ou ideia. 
 Como tudo na vida, a qualidade das palavras proferidas é uma opção: serão palavras de crítica e cobrança ou serão elogios e validação?
Exerça a liberdade que tens e fale bem, fale com prudência. Podemos olhar tudo de maneira positiva, e junto com uma possível e legitima critica pensarmos também na solução. Ver com clareza as circunstâncias e colher os frutos que podem produzir uma palavra bem colocada nos diferentes momentos de nossas vidas e assim prestarmos atenção principalmente na intencionalidade de nossas ações.  Uma boa palavra pode transformar a vida de seu filho, amigo, esposa, comunidade, etc., além do que contribuir para o desenvolvimento pessoal, na relação com o próximo.

Rev. Edson

Nenhum comentário:

Postar um comentário