FELIZ ANO NOVO

1 Ao ser humano foi concedida a capacidade de planejar, entretanto, é o SENHOR quem dá a palavra certa.
2 Todos os caminhos do homem parecem certos aos seus olhos, mas o SENHOR julga as verdadeiras motivações do coração.
3 Consagra ao SENHOR todas as tuas obras e os teus planos serão bem-sucedidos. Provérbios 16:1-3
Mal começamos o novo ano e muitos desafios já ocupam nossas mentes. O que penso é que a mera mudança de um ano para outro, não muda nada a nossa caminhada. A verdade é que sempre criamos expectativas quando pensamos no final do ano e inicio de um novo, imaginamos: Novo calendário. Nova vida. A realidade é que a mudança de calendário, não necessariamente, implica em uma mudança real. Não adianta mudar o calendário se não mudarmos as atitudes, assim como não adianta mudar de cidade, se não mudarmos a mente.
Ouvi outro dia uma colocação quase que filosófica, que dizia assim: “Vamos fazer 2018, e não apenas vamos viver 2018”. Quando Salomão o sábio diz: “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor”. Entendo assim: - Para se fazer um novo ano é importante, sim, sonhar e planejar . Mas é essencial não perder a opinião divina sobre os planos elaborados. Assim, faz-se necessário observar o que diz o restante da redação de Salomão quando afirma: “Confia ao Senhor os teus planos e as tuas obras, porque assim  os caminhos e desígnios de Deus serão autorizados”. Isto quer dizer: - Coloque sempre em tudo que fizer: Deus, como sua primeira opção.  Reconheça-o em cada sonho e projeto que tiver.  Isto lhe trará consolo, alegria e profunda satisfação. Em segundo lugar seja agradecido e pare de reclamar. A vida oferece mito mais do que merecemos, então comece sempre agradecendo. Porque para cada situação difícil, sempre há uma saída. E a gratidão é também com certeza uma importante ferramenta, na realização de metas e objetivos. Seja sempre grato.
Quero parafrasear da seguinte forma uma consideração feita por Friedrich Nietzsche que disse certa vez: Eu não sei o que quero ser, ainda, mas sei muito bem o que não quero me tornar.”
Então, neste novo ano, não mude apenas o calendário. Mude a atitude, crie nova disposição, e lute por ela. Isto fará diferença entre a condição atual e a condição desejada Pois se queremos completar uma maratona, precisamos dar o primeiro passo.
Porque com certeza muitos desejam hoje, tornarem-se melhores do que foram ontem.  Isto pode ocorrer quando consagramos ao Senhor os nossos planos e O reconhecemos em toda nossa caminhada, porque é Ele quem julga as nossas motivações e desejos, e a compreensão disto pode promover a todos um real e genuíno feliz ano novo.
 Rev. Edson Martins 

Nenhum comentário:

Postar um comentário